En

Contacte-nos

Como utilizar todas as ferramentas de edição de imagem do Instagram

Gestão de redes sociais | 31 Maio 2017 | Miguel Menaia

Diz-se na gíria do marketing digital que hoje em dia, qualquer indivíduo, na era onde o smartphone é rei, consegue ser um fotógrafo. E embora algumas pessoas sejam contra essa ideia (alertando para o facto de ser bastante redutora), a democratização da fotografia é inegável. Por isso mesmo, é essencial que os marketers, bem como os entusiastas das redes sociais e os influencers, estejam aptos para dominar as ferramentas que as aplicações de fotografia possuem.

O Instagram e outras apps que providenciam serviços de edição de imagem estão a alterar as redes sociais como as conhecemos, pelo que a edição de fotos é essencial para o engagement com os utilizadores, que têm vindo a ter um sentido estético mais aprimorado.

Porém, a maior parte dos indivíduos segue, no Instagram, o caminho mais fácil: tira uma fotografia, aplica-lhe um filtro e publica. Apesar desta abordagem ser legítima, a verdade é que a plataforma tem-se reinventado ao longo do tempo e permite hoje, a nível de edição de fotografia, muito mais do que permitia quando foi criada, em Outubro de 2010.

Nesse sentido, elaborámos uma lista com as principais ferramentas de edição de imagem do Instagram, para que as suas fotografias fiquem com a melhor qualidade estética possível.

1. Lux

O Lux ajusta o contraste e a saturação das fotografias e torna as imagens mais vibrantes. Neste exemplo, podemos ver que a fotografia fica com as cores mais vibrantes, o que garante mais detalhe ao produto final.

2. Adjust

A opção de Adjust permite que os utilizadores ajustem a imagem de forma horizontal e vertical, aplicando-lhe zoom e rodando-a. Através das linhas da grid, conseguimos tornar a imagem mais direita e, consequentemente, mais estética. É das ferramentas de edição de imagem mais apelativas.

3. Brightness

A opção de Brightness é, tal como o nome indica, bastante straightfoward. Quando utilizada, faz com que as cores fiquem mais vibrantes e atraentes. Para além disso, ajuda a equilibrar o impacto da luz na fotografia, o que resolve problemas de excesso ou falta de luz.

4. Contrast

Ajustando o contraste da luz, as partes mais escuras da imagem ficam mais escuras e as partes mais claras ficam mais claras. De ressalvar que esta funcionalidade é ligeiramente diferente da funcionalidade de Brightness, uma vez que esse botão aclara todos os aspectos da fotografia (tantos os mais escuros como os mais claros).

5. Structure

A Structure (estrutura) é a solução ideal para fotografias fora de foco. Aumenta o detalhe e textura das imagens, algo que é considerado importante quando se está a retratar uma paisagem, por exemplo. Ao contrário de outras ferramentas de edição, esta só tem valores que vão do 0 ao 100, não servindo para editar de forma negativa as imagens.

6. Warmth

Caso o nosso objectivo seja o de tornar a imagem mais quente, podemos utilizar esta ferramenta para servir esse propósito. Pelo contrário, caso queiramos fazer com que a imagem se torne mais fria, basta executar a tool de forma inversa. Logo, o Warmth adiciona tons mais quentes à imagem (em especifico tons mais alaranjados ou sépia) ou tons mais frios, consoante aquilo que o utilizador pretenda.

7. Saturation

Esta ferramenta altera as cores da imagem manipulando a sua componente de saturação. Melhor aplicado em imagens com cores mais vivas. Aconselha-se a que os utilizadores não abusem desta ferramenta, para que a imagem não pareça demasiado editada ou irrealista.

8. Fade

Ao utilizar o Fade, as imagens parecem mais desbotadas (faded). Esta ferramenta simula, no fundo, as fotografias antigas que vão perdendo a cor ao longo do tempo, sendo por isso ideal para fotografias mais vintage, por exemplo.

9. Highlights

 

Os Highlights ajudam a reduzir o brilho causado pela luz intensa nas imagens. Esta tool é especialmente útil em fotografias que são captadas com o sol de frente.

10. Shadows

Esta ferramenta é apenas aplicada nas partes escuras da imagem. No fundo, faz com que estas pareçam mais claras ou mais escuras, aumentando ou reduzindo o impacto das sombras na imagem.

11. Color

A Color, tal como o nome indica, permite aplicar um tom de cor à fotografia. Este botão não, é, contudo, um filtro, sendo apenas aplicado sobre as Shadows ou sobre os Highlights.

12. Vignette

 

O Vignette reduz a clareza dos cantos da imagem fazendo com que a fotografia pareça mais antiga.

13. Tilt Shift

O Tilt Shift desfoca gradualmente todo o que se encontra fora do ponto de foco, criando em alguns casos o efeito de miniaturas. Assim sendo, esta ferramenta dá ao fotografo a possibilidade de focar a atenção dos espectadores num ponto específico da fotografia.

14. Sharpen

Aumentando a clareza da imagem, o Sharpen é especialmente eficaz em fotos com muito zoom. Ao contrário do Structure o Sharpen não afecta as texturas; apenas os detalhes da imagem.

Se quiseres estar a par das novidades do mundo do marketing digital e redes sociais, subscreve o nosso Auto-Rádio.

 

Partilhar:

Deixa o teu comentário:

Responde a este comentário